quarta-feira, 12 de janeiro de 2011

Mercados Hoje

Leilão de Portugal passa no teste e levanta os mercados

Foi muito bem sucedido o leilão de títulos públicos ofertados pelo governo português nesta quarta-feira, a taxa de juros ficou abaixo dos 7% (considerado padrão crítico) e a demanda foi três vezes maior do que a oferta o que acabou agradando os investidores pois o custo da dívida para Portugal ficou abaixo da última captação feita no mecado. Os grandes compradores foram a China e o próprio BCE (banco central europeu) conforme haviam prometido, garantiram a demanda para os bônus portugueses. Amanhã estão previstos leilões de títulos da dívida da Itália e Espanha. Se a tendência permanecer, o dia pode ser de novas altas nas bolsas mundiais.

Nos Estados Unidos hoje foi dia de Livro Beje do FED. O Banco Central norte-americano afirmou que as condições da economia melhoraram moderadamente entre meados de novembro e dezembro. O panorama traçado pelo BC americano foi otimista para a economia, embora ainda com alguma cautela. O Quantitative Easing 2 do FED continuará a todo vapor em janeiro confome cronograma e com essa puxada do Dow Jones e S&P500 poderá atrair parte desta injeção de capital para os ativos em bolsa. Dow Jones em nível alto de sobrecompra renovou topo ascendente acionando mais um pivot de alta conforme podemos observar no gráfico abaixo. S&P500 na mesma situação, subindo bastante e realizando pouco, porém com atenção redobrada.


O Ibovespa está tirando o atraso do descolamento do mês passado quando foi na contra-mão do mundo. Subiu bem no pregão de hoje amparado pelas blue chips que estão bem armadas tecnicamente falando e baratas no curto prazo. Destaque para bancos, Gerdau e Petro. No fechamento de hoje podemos reparar que o índice rompeu o canal de baixa ao estilo bull market, forte volume, candle expressivo de alta (marubozu) empurrando a bollinger superior para cima e armando mais um pivot de alta. Média móvel simples de 20 períodos indicando possivel cruzamento bull com a média móvel simples de 50 períodos. Este movimento está mirando teste no topo histórico do Ibovespa. 

2 comentários: