quarta-feira, 11 de maio de 2011

Mercado corre pra defensiva com a queda das commodities

Na última quinta-feira passada, dia 05/05/2011, soltei um ingrato alerta para o setor de commodities no artigo, "Alerta de bolha no mercado de commodities", que infelizmente está se concretizando. Hoje, mais uma vez, o mercado de commodities entrou em colapso. O barril de petróleo tipo light caiu 5,46% além da prata que também desabou. A CME teve que intervir no mercado interrompendo os negócios com os contratos de gasolina, petróleo e óleo para calefação. As negociações ficaram travadas por alguns minutos para evitar um pânico maior no mercado. De qualquer forma não foi possível evitar mais uma derretida no setor de commodities, nessas condições os investidores começam a vender ativos e correm para o dólar em busca de segurança, por isso a moeda está subindo tanto nos últimos dias.

Ficar posicionado em commodities é assumir um risco muito alto no momento em que o mercado está querendo estourar uma bolha neste setor. Além disso deve-se considerar que este segundo grande colapso das commodities em menos de uma semana pode motivar a venda de outros ativos que nada tem a ver com o setor. Como tem muito dinheiro pesado ainda no mercado, principalmente de fundos mútuos, este movimento pode estar apenas começando. George Soros, o homem que quase quebrou o banco da Inglaterra, encerrou todas as suas posições em commodities na semana passada e parece que ele acertou mais uma vez.

Nos Estados Unidos, o índice Dow Jones recuou 1,02%, S&P500 teve desvalorização de 1,11% (brigando para não perder a importante linha de suporte em 1340 pontos) e Nasdaq caiu 0,93%. Olhando para o gráfico do Dow Jones podemos reparar o aumento de volume na queda de hoje, o MACD cantou o movimento de queda conforme destacado ontem pois o mesmo não acompanhou o movimento de repique nos dias anteriores.


O índice Bovespa confirmou fim do movimento de repique conforme comentado na análise de ontem. Criou-se uma nova resistência na região dos 65.2k devido à proximidade com a LTB mais rápida que vem dos 70k. Mercado predominantemente vendedor, suportes estourados sem muita dificuldade e resistências criadas facilmente. A técnica está funcionando à risca para abertura de posições vendidas. Bovespa continua na mão dos "ursos".

Nenhum comentário:

Postar um comentário