segunda-feira, 17 de outubro de 2011

Não há solução. Qual a novidade?

O ministro de Finanças da Alemanha, Wolfgang Schaeuble, afirmou nesta segunda-feira que a cúpula da União Europeia (que acontecerá no dia 23/10/2011) não vai apresentar uma solução final para a crise de dívida da zona do euro. Esta notícia se espalhou rapidamente pela mídia jogando um balde de água fria nos investidores (e também da própria mídia) otimistas com uma resolução para a crise da dívida soberana na Europa.

Por incrível que pareça, nada de novo aconteceu. Ou por um acaso alguém ficou sabendo de alguma novidade nestas duas últimas semanas? Algum fato concreto, alguma medida, ou qualquer outra indicação de que os representantes políticos haviam encontrado alguma solução para crise europeia? Não. Então porque tanto espanto se o mercado resolveu cair?

Na verdade, conforme relatamos no fechamento da semana anterior, existia um risco considerável de realização de lucros nas bolsas mundiais, foi o que aconteceu. Como os mercados já abriram nesta expectativa de baixa pela análise técnica, qualquer notícia serviria como "desculpa" para justificar a queda dos mercados, dependendo do ponto de vista, uma notícia pode ser positiva ou negativa (isso vai de acordo com a capacidade de análise individual dos investidores).

Soma-se ainda o fator psicológico por trás destas notícias negativas que aparecem como bombas em mercados de baixa. Estas manchetes acabam afetando direta ou indiretamente o lado emocional do investidor, interferindo assim no seu processo de tomada de decisão.

Nos Estados Unidos, por incrível que pareça, a famosa resistência dos 11.6k continua sendo o grande pesadelo dos touros em Wall Street. O índice simplesmente não consegue passar por esta linha. Sempre quando há uma tentativa de rompimento, as vendas aparecem e com bastante força. Estamos destacando esta resistência há mais de dois meses e o Dow Jones não consegue rompê-la nem com um volume baixo de negócios. Com isso, temos mais um topo abaixo da resistência, que pode jogar o índice para testar a linha central de bollinger nos próximos dias.

Na Bovespa, a força vendedora não surpreendeu e apareceu exatamente na região dos 55k, marcando topo de curto prazo. Podemos já testar a linha central de bollinger no pregão de amanhã, e caso a mesma seja perdida, a força vendedora tem forte chance de derrubar o índice para a região dos 52k.

Destaque curioso para o volume financeiro que veio baixo. Foram 8,56 bilhões de reais, do qual 3,31 bilhões são de contratos de opções, restando apenas pouco mais de 5,25 bilhões no mercado à vista. Ou seja, o pregão parou pra ver a venda nos 55k, concentrada mais fortemente no setor de siderurgia. Não houve reação por parte da força compradora, a "puxada básica" no final da tarde pode ser explicada pelas liquidações, com lucro, de vendas à descoberto.

Observação: Infelizmente o servidor não está permitindo postar gráficos hoje. Aos interessados, basta me enviar um e-mail que mando o gráfico com a análise técnica do Ibovespa e Dow Jones.

8 comentários:

  1. Observando os encontros e desencontros dos lideres europeus.me faz lembrar,guardada as devidas proporçoes. com a hestoria que culminou no inicio da segunda guerra mundial.
    A incompêtencia vista na ocasião, de como segurar
    os ideais expansionistas de Hitler, fracasou justamente pelo mesmo motivo, que agora não conseguem resolve os problemas economicos.
    E como diz o ditado, farinha pouca,meu pirão primeiro.nimguem que ceder por interreses proprios e vão empurrando o problema. o mundo já viu o que acontece quando se falta comando. e parece que eles estão dispostos a pagar pra ver de novo.

    ResponderExcluir
  2. Mais uma vez parabéns pela analise!
    Nível técnico e de escrita excelentes, roubaria vaga de muito "especialista" que ganha muito dinheiro pra escrever meia duzias de colunas e matérias idiotas.


    Eduardo

    ResponderExcluir
  3. macr3,

    A história da Europa é repleta de conflitos, desde os tempos mais antigos, não teve uma era que não passou por guerras. Mas acho que parte dessa história está superada, apesar de que tudo está demonstrando que a Europa ainda não está preparada para ser União propriamente dita. A Alemnha está correta em determinado ponto, a França em outro, a Grécia tenta defender sua sobrevivência, e por aí vai... Ninguém está querendo ceder e fora do bloco as medidas protecionistas já começaram a surgir, inclusive aqui mesmo no Brasil.

    Definitivamente este não é o caminho da solução. Tem muita coisa que precisa de ser feita não só na Europa, como no mundo inteiro. Como por exemplo: desalavancar o sistema, desmembrar as grandes instituições financeiras, reajustar contas públicas, parar de imprimir moeda sem lastro, parar de manipular o câmbio, etc.

    Abcs,

    ResponderExcluir
  4. Eduardo,

    Obrigado! Inclusive, tem uma empresa de análises de um economista famoso aí, que pode estar quebrando. Isso porque ele "preveu" a crise de 2008...

    Abcs,

    ResponderExcluir
  5. Manda o gráfico para mim por favor!!!
    Carlos...


    carlosedjardim@ig.com.br

    ResponderExcluir
  6. Carlos,

    Enviei agora.

    Aos demais que me mandaram e-mail já enviei para todo mundo, se alguém não recebeu por favor me avise.


    Abcs,

    ResponderExcluir
  7. Fi,

    O-C-O na Vale5?

    O que acha?

    Abraços,
    Marcos

    ResponderExcluir
  8. Marcos,

    Sim, pode ser um OCO. Precisa de romper neck line pra confirmar.

    Apesar de tudo eu não gosto muito de figuras, as corretoras e players sabem que tem muito "cursinho da moda" de AT no Brasil que ensina exatamente isso, como se fosse uma receita que não existe. Então fica fácil para eles (corretoras/players) baterem carteira no mercado, se quizerem, pois sabem onde as operações serão abertas.

    Mas olhando para o gráfico semanal a Vale está demonstrando fraqueza ainda, não conseguiu passar pela média central de 20 períodos. Por outro lado ela está com fundo ascendente e isso tem que ser levado em conta para caso de possível reversão. A tendência de baixa ainda não foi alterada. Se o papel resolver cair, o limite está na faixa dos 34,40 (este ponto daria uma compra com stop barato). Abaixo desse valor é festa para os uros, papel fica na mão deles.

    Abcs, bons trades

    ResponderExcluir