segunda-feira, 5 de março de 2012

Motor do mundo continua esfriando

O primeiro ministro da China, Wen Jiabao, surpreendeu o mercado na manhã desta segunda-feira ao anunciar um corte na meta de crescimento do país para 7,50% em 2012. Se a meta do governo for alcançada, será o menor nível de crescimento chinês dos últimos oito anos. Este crescimento menor reflete o que alguns economistas chamam de pouso forçado da economia chinesa, abordado algumas vezes aqui no Finanças Inteligentes ano passado. É uma forma inevitável e praticamente obrigatória de ajustar a economia do país após um excesso provocado pelo governo.

Este excesso pode ter marcado o pico da construção civil na China, patrocinado pelo governo com aumento da liquidez entre os bancos para financiar investimentos diversos. Muitos edifícios e até mesmo cidades estão vazios (as) e atualmente o governo luta para evitar um estouro da bolha imobiliária no país. Outro ponto está na desaceleração da economia mundial (principalmente Europa, um dos maiores mercados consumidores da China), que afeta diretamente a “fábrica do mundo”. Os exportadores chineses ainda estão sendo prejudicados pela valorização do câmbio local e alta nos salários (inevitável, faz parte do processo de desenvolvimento de uma economia).

No cenário doméstico as empresas de commodities sofreram duras perdas no pregão de hoje refletindo a redução na meta de crescimento da China, que obviamente irá consumir menos commodities. Destaque para Maria das Graças Foster, presidente da Petrobras atacando de analista técnica ao dizer que petróleo a 123,oo dólares o barril é pico (ou topo, como gostamos de dizer) e não um patamar de preço. Isso pode ser um indício de que os preços dos combustíveis não sofrerão aumento no Brasil pelo menos no curto prazo.

Com isso tivemos uma queda inevitável na Bovespa, o índice marcou topo de curto prazo nas proximidades da importante resistência em 68k. Não significa que o índice irá cair amanhã, apesar das probabilidades serem mais altas, mas confirma a existência da famosa resistência em 68k que poderá segurar o Ibovespa no curto prazo (nem foi testada e já está dando trabalho). Podemos esperar um reteste sobre a linha de suporte em 66.4k/66.5k, se a mesma for perdida a situação complica um pouco mais devido à divergência de baixa nos indicadores.

  
Nos Estados Unidos, Dow Jones continua incrivelmente parado. Há mais de um mês o índice está andando de lado deixando candles pequenos no gráfico. Ainda está conseguindo se manter acima do suporte em 12.9k, mantendo a análise dos últimos dias/semanas.


5 comentários:

  1. Eai FI, ao anunciar esse plano de corte do crescimento chines a vale comecou a descontar preço puxando o indice, mas botar o valor de que o minerio vem subindo ano a ano os "analista" de mercado nao enxergam, cdada ano que passa a china diminui seu pib e a vale bate recorde de lucro, vai saber...abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Saimon_Rijo,

      Até a gestão Agnelli a Vale era um espetáculo de empresa com uma gestão nota 10, tanto é que bateu recorde em 2010. Quando Agnelli saiu a Vale continuou sendo um espetáculo de empresa, porém a nota da gestão caiu um pouco. A empresa está dando segmento aos programas iniciados nos anos anteriores, continua vendendo muito, os problemas da Vale são mais internos do que externos. A China crescendo menos pode afetar o crescimento do faturamento da Vale por lá. Mas como a demanda por minério de ferro continua alta, o spread da Vale continuará alto. Aliás é uma das poucas coisas que funcionam no Brasil: vender commodities.

      Abcs,

      Excluir
    2. PS: mesmo com a queda no preço do minério de ferro dos últimos meses (se não me falha a memória já caiu mais de 30 dólares) o spread da Vale ainda está muito bom. Problema mesmo são internos, com o governo que quer aumentar os royalites e sapecar uma multa de mais de 5 bilhões de dólares na Vale.

      Excluir
  2. FI, depois de meses acompanhando o blog, me dei conta de que é a primeira vez que não há uma atualização. Está tudo bem?

    TR

    ResponderExcluir
  3. Opa!

    Está tudo bem obrigado! Fiquei sem internet ontem para conseguir postar. Fiz uma análise rápida hoje, acabei de postar.

    Abcs,

    ResponderExcluir