sexta-feira, 27 de abril de 2012

Estamos conseguindo espantar os investidores estrangeiros

As medidas agressivas adotadas pelo governo federal para desvalorizar o real estão deixando os investidores estrangeiros sem saída, a não ser procurar outro lugar, com uma política econômica mais estável, para investir suas reservas. Os investidores japoneses, referência no mercado de câmbio, se desinteressaram pelo Brasil e estão realocando seus recursos em outros países emergentes como Turquia, África do Sul e Indonésia. A entrada de capital estrangeiro está aumentando nestes países, enquanto no Brasil os fundos mútuos japoneses venderam 38,5 milhões de ienes denominados em real somente no mês passado.

Uma série de fatores internos está desagradando os fundos japoneses, que compram papéis da dívida pública, ações em bolsa e moeda. O governo brasileiro introduziu vários impostos sobre operações financeiras para impedir a valorização do real. Isso desagrada profundamente o investidor estrangeiro pois um mercado onde as regras do jogo são alteradas constantemente, não é um lugar seguro para investir. O BC (Banco Central) tem cortado os juros agressivamente e com isso os gestores de fundos começam a procurar títulos da dívida pública em outro lugar. No câmbio, o BC tem comprado dólares no mercado para desvalorizar a moeda do país e satisfazer os desejos da antiquada indústria nacional, que não aprendeu a inovar para sobreviver no mercado.

Está certo que o Brasil possui um leque de problemas internos que são uma pedra no sapato para o crescimento e desenvolvimento sustentado da economia no longo prazo, porém estes problemas estão longe de serem resolvidos com medidas e intervenções cambiais. Economias emergentes que estão fazendo o seu dever de casa (e existe mais de uma centena delas no mundo), há muito tempo conseguem se destacar em uma “competição de igual para igual” com o Brasil. África do Sul, Turquia e Indonésia são apenas alguns exemplos das novas sensações que estão encantando os fundos japoneses.

Diferentemente do Brasil, estes países reconhecem a importância do capital estrangeiro. Estes governos não estão taxando entrada de capital ou atacando os investidores chamando-os de especuladores (mesmo porque a maioria das aplicações estrangeiras tem um hedge na outra ponta, minimizando o impacto no câmbio local) ou atacando os Estados Unidos, Europa e Japão culpando-os de provocarem um “Tsunami Monetário” no mundo onde curiosamente somente o Brasil é prejudicado.

A ignorância política consegue reclamar da entrada de dólares no Brasil, um país basicamente exportador de commodities. Mas como os dólares não irão entrar cada vez mais se os preços das commodities dispararam nos últimos anos? Um exemplo: se você vendia 1 tonelada do produto X em 2009 por 10.000,00 dólares, com a alta nas commodities você vende esta mesma tonelada do produto X em 2012 por 15.000,00 dólares. Logo, mesmo sem aumentar a produção, mais dólares entraram na sua conta nos últimos anos. É o que aconteceu com o petróleo, minério de ferro, soja, algodão, trigo, açúcar, milho, café, etc.

Desta forma fica difícil acreditar que algum dia o país irá conseguir fazer pelo menos o seu dever de casa e reconhecer os seus próprios erros (ao invés de culpar alguém) para trabalhar em um planejamento de crescimento sustentado ao longo prazo.

No mercado financeiro o fechamento da semana não ficou muito bonito na Bovespa. O índice renovou nova mínima no semanal, desconfigurou o spinning top de indecisão da semana anterior, não conseguiu romper a LTB rápida e ainda sentiu a pressão da linha central de bollinger que atua como resistência. São 5 candles de baixa em 6 semanas. Mercado ainda sob domínio dos ursos e não mostra sinal de reação/fundo confirmado.


Nos Estados Unidos o índice Dow Jones conseguiu fechar em leve alta mesmo com os dados negativos do PIB (Produto Interno Bruto) americano. O crescimento econômico do país perdeu força e desacelerou no primeiro trimestre deste ano. O PIB fechou em 2,2% a uma taxa anual ajustada pela inflação, resultado inferior aos 3% do quarto trimestre do ano passado.

Dow Jones conseguiu testar mais uma vez o seu topo histórico deste ano, na região dos 13.3k. Se compararmos com os demais índices mundiais, o desempenho chega a impressionar no curto prazo. Está prestes a detonar mais um pivot de alta alimentando a tendência de alta no médio prazo.

  
Na Europa, o índice DAX (Alemanha) fechou com um candle de alta após uma semana bastante turbulenta. Conseguiu se recuperar com as perdas provocadas pelas vendas fortes no início desta semana. Mantendo-se acima da linha central de bollinger, deve projetar um novo teste sobre a LTB deste triângulo simétrico.


Na China a bolsa de Xangai fechou em leve baixa sentindo a pressão da LTB de médio prazo. Movimento natural pois encontrou uma linha de resistência relevante após três semanas de alta. Pode retestar esta LTA de curto prazo antes de atacar novamente a LTB.


Bom pessoal, terminamos a semana. 5 dias turbulentos e repletos de surpresas/novidades. Chegou o descanso merecido. Bom final de semana a todos vocês! Para os que irão “engolir” a segunda-feira: boas férias!

Posts da semana:

69 comentários:

  1. É. Essa queda de juros é horrível pois ficaremos refêns da ridícula indústria nacional e ainda perdemos a mamata do investimento em RF.

    Por outro é bom pois a atividade economica acelera e ficamos mais seguros no emprego.

    ResponderExcluir
  2. Pobretao,

    Sim, mas o crescimento está sendo puxado pelo aumento do consumo. Libera crédito que o povo compra. Acredito que o maior problema para o crescimento é péssimo o ambiente de negócios no Brasil (carga tributária, infraestrutura, burocracia, educação, corrupção, etc). Se o problema fosse apenas os juros a indústria estaria crescendo pois estamos cortando a taxa selic desde agosto do ano passado e o setor continua patinando. De 12,50% a.a. para 9% a.a. não gerou nenhum efeito prático.

    É um ponto a se pensar.

    Abcs, bom final de semana

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Excelente argumento, FI. Esses 3,5% já deveriam estar fazendo efeito se os juros altos fossem os únicos ou maiores entraves pra indústria nacional. O dólar também não é o graaaande culpado como apontam. Estava 1,60 em ago/2011, agora está 1,90 e a indústria ainda mal das pernas.
      Todos sabem qual a solução, o difícil é aplicar as reformas tributária, política etc e melhorar o ambiente de negócios. Pelo menos na educação acho q o governo vem acertando. Facilitando o acesso à universidade e a bolsas de pesquisa. Mas isso leva um bom tempo para dar frutos.

      Abraço e bom fds a todos.

      Excluir
    2. Mure,

      Exatamente, deveriam mas não estão fazendo efeito. A indústria funciona como um raio-x da economia. Você consegue "tapiar" todo mundo, mas quando chega na indústria não há como camuflar os problemas. É um setor muito sensível e dependente do ambiente de negócio, aqui infelizmente representado pelo custo Brasil.

      Acho interessante estes pequenos avanços na educação. Mas pra melhorar mesmo, na minha opinião, tem que começar do zero, lá de baixo. É triste entrar numa escola pública ou estadual, estrutura ruim, professores desqualificados e desmotivados, etc. Nas universidades poucas se destacam pela qualidade na prestação do serviço em ensinar uma profissão. Este "boom de faculdades de esquina" jogou no mercado uma quantidade inestimável de profissionais de baixíssima qualificação. Acho que tudo isso tem que ser revisto.

      Abcs, bom final de semana

      Excluir
  3. Olá, boa noite pessoal, sobre o consumo tenho resalvas, não se vende eletros, carros, casas numa intensidade só, creio que está dando uma freada, o povão que desde 2009 estão indo às compras estão esgotados, vide o calote batendo recordes.
    Estou neste final de semana me debruçando nos principais gráficos de indices e ações que acompanho, caso vç FI não se importe colocarei minhas impressões para debatermos pois o momento me parece fundamentalmente importante..
    ivn

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ivan,

      Não só pode como deve! Eu gosto de olhar gráficos no final de semana também, com a mente mais light é melhor pra analisar. Quando terminar os estudos poste aqui e vamos debatendo.

      Abcs, bons estudos e bom final de semana

      Excluir
  4. Mas espera aí FI... Os japoneses estão retirando o dinheiro daqui simplesmente porque não há espectativa de valorização do Real.

    Só eu que deixo o dinheiro num negócio que só se desvaloriza (usim5) ... kkkkk

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eike Rico,

      Já deu um belo spread no iene x real. Os fundos japoneses estão mirando agora outras economias emergentes, com menos risco. Aqui ficou instável demais, muitas mudanças de regras, tributações, intervenções no câmbio, etc. Isso espanta o investidor.

      Usiminas está raspando aquela zona de suporte de curto prazo. Tem que ficar de olho nela, papel adora dar uma escorregada no quiabo rsrss..

      Abcs, bom final de semana

      Excluir
  5. Você alicerça seu post numa suposta fuga de investimentos japoneses no Brasil, e só. Mas qual o PESO dos investimentos japoneses na totalidade de investimentos estrangeiros?

    Infelizmente para você A REALIDADE se encarrega de demolir sua argumentação rasa, como nestes exemplos:

    Investimentos estrangeiros no Brasil quadruplicam em 5 anos: http://economia.uol.com.br/ultimas-noticias/efe/2011/12/15/investimentos-estrangeiros-no-brasil-quadruplicam-em-5-anos.jhtm

    Investimento estrangeiro no Brasil em 2011 é o maior desde 1947: http://economia.terra.com.br/noticias/noticia.aspx?idNoticia=201201241250_TRR_80763376

    Mas não se intimide, continue postando suas asneiras, como aquela do post retrasado de que a queda dos juros EM ABRIL refletiu EM MARÇO, um dos maiores exemplos de desonestidade intelectual com os leitores que eu já vi.

    Para pessoas como você, QUALQUER COISA que o governo faça será SEMPRE errada, independente do que seja.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mais um petistinha pago para CAGAR nos Blogs dos outros. Petista é uma racinha danada mesmo: não constrói NADA e ainda SACANEIA OS OUTROS. Vai trabalhar, petistinha desocupado!!!

      Excluir
    2. Olá Senso Cri-crítico,

      Estes links que você passou são do fluxo de 2011 rsrsrss... já tem mais de um ano que abordamos esse assunto aqui mesmo no blog. O texto que postei está pegando dados recentes do mês passado para tentarmos projetar o que poderá vir pela frente. O fluxo dos fundos mútuos japoneses em moeda estrangeira, mais conhecidos como toshins, são uma referência no mercado internacional (eles são expert nisso, devido as condições internas do mercado financeiro dentro do Japão). Estes fundos procuram comprar moedas, ações e dívidas públicas principalmente de países emergentes. Uma boa parcela de fundos hedge no mundo acompanha de perto a estratégia dos "toshins". Portanto o que os japoneses fazem no mercado internacional é de extrema relevância para nós.

      Para finalizar, gostaria que você revisasse a forma como escreve os comentários. Debates, críticas, opiniões, etc são sempre bem vindos, mas com o mínimo de respeito e educação. Se você ainda não aprendeu isso até hoje, não sou eu que vou lhe ensinar.

      Abcs,

      Excluir
    3. Heavy Metal,

      Tudo bom? É difícil demais rsrs... melhor deixar pra lá.

      Você sumiu, apareça mais! Vai voltar a atualizar o blog?

      Abcs, bons negócios

      Excluir
    4. Acho que o sem bom senso do senso cri-critico nao teve quem o ensinasse a ser educado. Proponho uma votacao para bani-lo do blog; que tal? Meu e: adeus, nao volte enquanto nao tiver bons modos.

      Excluir
    5. Bem que o Rodrigo Constantino dizia: "A "profissão" mais degradante do mundo é petralha virtual" .

      Vale a pena ler: http://rodrigoconstantino.blogspot.com.br/2012/04/petralhas-virtuais-estudo-de-caso.html

      Excluir
    6. Estou dentro da votação para banir o "cri-cri" do blog. O meu é: adeus e, como dizem aqui no nordeste, você merece ser açoitado com 10 chibatadas de bimba de bode pra ver se aprende a ser educado.

      ass: anonimo da alll

      Excluir
    7. Anônimo,

      Ele já está sob aviso. Deixei passar esta, mas a próxima será moderado.

      Abcs,

      Excluir
    8. Anônimo 2,

      É ridículo esse radicalismo sangue-suga do PT. Não há nada de errado em debater idéias, mas o que acabam fazendo é ataques pessoais que não levam a nada.

      Abcs,

      Excluir
    9. Anônimo da all,

      Assim aprende mesmo rsrs...

      Abcs, bons trades

      Excluir
    10. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

      Excluir
    11. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
    12. Senso Cri-crítico,

      Seu comentário foi moderado por esta infeliz colocação:

      "Mas não precisa se preocupar. A IMENSA maioria dos leitores são semianalfabetos que se comportam como GADO, apenas CONCORDANDO PASSIVAMENTE com o que é escrito, e não têm capacidade de fazer sequer uma análise crítica SUPERFICIAL do que lêem. Se tivessem, ao se deparar com um absurdo como este"


      Você desacatou não só a mim, mas como todos os leitores do blog. Aqui você não posta mais. Agora vai procurar sua turma em outro lugar.

      Excluir
  6. FI,

    Creio que o Brasil está na fase final de mais um voo de galinha.

    O modelo de crescimento econômico dos últimos anos, sustentado pelo consumo via crédito, está se esgotando. Só não vê quem não quer.

    Veja que o comércio já reporta diminuição das vendas, o mercado imobiliário está travando, a indústria diminuindo sua atividade, o consumidor está com a capacidade de endividamento praticamente esgotada, a inadimplência aumentando e, para terminar, o desemprego começou a subir (levemente, mas aumentou).

    O castelo de cartas começou a desmoronar e o governo sabe disso. Não é por outro motivo que os bancos estatais estão "forçando" a queda da taxa de juros ao consumidor, pois, com isso, estimula-se mais ainda o consumo e o endividamento, empurrando o problema para depois (não podemos esquecer que teremos eleições em outubro!).

    Contudo, essa estratégia do governo, até agora, não está dando resultado. As taxas vêm caindo e a economia não reage. É esperar para ver...

    Eu, sinceramente, creio que futuro da economia brasileira não será nada bom. Está chegando o momento de se pagar a conta da festa que fizemos nos últimos anos. E quanto maior o porre, mais forte é a ressaca!

    abs

    Henrique.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Henrique,

      Infelizmente estamos perdendo o bonde mais uma vez, se já não passou. Não sei qual a dificuldade de se fazer as reformas tão essenciais ao país (seriam a base do crescimento sustentado de longo prazo) em um governo que tem recorde de aprovação.

      Abcs, bons investimentos

      Excluir
    2. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
    3. Tenho esse receio também, mas acho que o tal bônus demográfico vai dar uma bela ajuda a sustentar o crescimento.
      http://saldanhas.dihitt.com.br/noticia/benjamin-steinbruch--a-oportunidade-para-o-brasil-enriquecer-e-agora

      Bom fds

      Excluir
    4. Mure,

      É por isso que eu bato tanto nesta tecla de que as reformas tem que ser feitas com a maior urgência possível. Podem ser palavras ao vento, mas se deixarmos de cobrar, já era a oportunidade...

      Steinbruch não é nem um pouco bobo, por um lado ele pressiona visando os interesses da indústria, mas nos bastidores ele tem uma ótima visão de mercado e sabe se adaptar muito bem. CSN é cada vez mais uma mineradora e menos uma siderúrgica. Ele sabe que o que dá dinheiro no Brasil é vender commodities ou montar um banco. Como ele não tem um banco, vai procurar vender commodities cada vez mais.

      Não há como agregar valor aqui no Brasil com uma boa margem de lucro. Você paga 20,00 dólares (incluindo todos os custos) para extrair o minério e vende por mais de 100,00 dólares no mercado. 400% de margem de lucro limpa. Fantástico. Agora vai querer fazer chapas de aço com esse mesmo minério aqui no Brasil, sua margem de lucro despenca vertiginosamente. Porque? Custo Brasil...

      Abcs, bons negócios

      Excluir
    5. Pois é, Mure e FI.
      Infelizmente, acho que, quando chegarmos ao final de mais este governo petista, teremos a certeza de que já teremos perdido o bonde.
      O mais triste de tudo: será o último bonde, pois a fase de bônus demográfico citada pelo Mure, estará perto do final e seremos condenados a ser um país pobre e envelhecido.
      Não acredito que as reformas descritas pelo FI serão feitas. Acho que, daqui a 10 anos, olharemos para trás e concluiremos que a Dilma, aquela presidente que gosta de bater no peito e reclamar de todos os países do primeiro mundo, foi na realidade uma grande covarde. Um fantoche que não foi destemido o suficiente para enfrentar o fisiologismo e as idéias corruptas de seu antecessor em prol das reformas.
      Reformas p/ que?
      Um povo minimamente educado e saudável não irira reeleger o PT.
      A reforma tributária reduziria a arrecadação e o montante destinado ao ralo da corrupção.
      Qual o problema de encaminhar este país p/ uma decadência eterna ("venezualização"?) se, após 1,2,3,4 e 5 mandatos petistas, até o quinto escalão do governo terá embolsado o suficiente para se aposentar e fugir desta grande latrina?

      Excluir
    6. Ano passado o Datena apresentou uma edição do CQC no lugar do Marcelo Tas. Em dada altura do programa, ele soltou a seguinte pérola: "o cidadão termina o mandato com 84% de aprovação... Imagina se ele não fosse burro !"
      O cara que tem 84% de aprovação, não tinha que temer fazer as reformas. Então porque ele não fez ?
      Porque ele ele é burro mas é esperto. Ele viu o que aconteceu ao Fernando Henrique quando este tentou fazer as reformas. O que ficou lembrado foi aquela história de que o "brasileiro é vagabundo"

      ass. anonimo da alll

      Excluir
    7. Anônimo,

      Exatamente. Esse é o último bonde e nas atuais circunstâncias não há como financiar o futuro de todas estas pessoas que envelhecerão no Brasil. Tem este ponto também, o governo além de omitir informações e jogar culpa em coisas que não tem nada a ver, precisa que a povo continue na sua ignorância política e econômica para conseguir se reeleger.

      Mas é por isso que não podemos nos calar. Quanto mais barulho fizermos, melhor. Mais chances teremos de conseguir cobrar alguma coisa do governo. Somos eleitores e possuímos esta ferramenta poderosa, basta que a informação correta chegue para o maior número de pessoas possível.

      Abcs, bons negócios

      Excluir
    8. Anônimo da all,

      Pois é. E a Dilma está indo para o mesmo caminho. Aprovação recorde e nem um sinal de uma luz no fim do túnel para que as reformas sejam feitas. Aí voltamos naquela questão da educação do povo brasileiro...

      Abcs, bons trades

      Excluir
    9. Acompanho o blog a algum tempo e gosto dos posts.... Vejo com bons olhos surgir a cada dia novos blogs com conteúdo excelente, ajudando em muito a conscientização do Brasileiro. Acredito que a velha mídia não tem condições ou interesse em esclarecer seus leitores, visto que é fácil infligir todas as mazelas ao governo federal, distraindo a população para o desfalque que prefeitos e governadores fazem no dia -a- dia. Todos querem a reforma tributária, mas ninguém quer abrir mão de receitas.

      Excluir
    10. Boa noite,

      Tenho certas restrições quanto à essa "magia" do famoso bônus demográfico... Pois de que adianta termos de 67 à 71% da população economicamente ativa, na faixa de 15 a 64 anos, sendo que a maior parte dessa população é composta de analfabetos?

      Também não acredito na "magia" do pré-sal, sendo que todos sabemos como é a distribuição (ou concentração) da renda no BR, ou seja, o pré-sal proporcionará grande fluxo de riqueza sim, mas para poucos (os de sempre).

      Abs.,

      Igor Eduardo

      Excluir
  7. No mínimo 3 vezes por semana leio os textos que você escreve, leio também o pobretão, o além da poupança e outros... Fico impressionado com a qualidade das informações que vocês disponibilizam e imagino o quanto vocês leem e assimilam o conteúdo para escreverem tão bem. O que não consigo entender é porque vocês não utilizam esta capacidade para ganharem dinheiro? Por que vocês são anônimos? Tudo bem... Para aqueles que divulgam o patrimônio, seria muito arriscado, mesmo assim, penso, porque trocar o dinheiro que poderiam ganhar, pelo prazer de divulgar o patrimônio... Sei lá... Vejo tanta gente incompetente trabalhado, ensinando, ganhando dinheiro dando palestras, escrevendo livros, dando conselhos e explicações idiotas sobre finanças, que não consigo entender, porque tantos anônimos talentosos que deveriam estar ganhando uma grana, ensinando a respeito deste tema tão carente, Educação Financeira, não aproveitam a oportunidade.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Rico a cada dia,

      Obrigado por ler o nosso blog! Entendo o seu ponto de vista e até concordo. Infelizmente nesta área tem "muito aproveitador", ganham dinheiro com cursos, dvds, livros, etc, para ensinar o 1+1=2. Ou então pra vender uma mágica que não existe.

      Eu não quero ser um a mais dentro deste meio. Prefiro ser honesto comigo mesmo e fazer a coisa certa. Jamais cobraria algum dinheiro para ensinar coisas que considero tão básicas no mercado. Além do mais é muito gratificante ver que estou ajudando, dentro das minhas limitações, pessoas que eu nem conheço.

      Abcs, bons investimentos

      Excluir
  8. Ô "Rico", alguns aqui têm dado bons palpites. O FI às vezes dá umas boas dicas de operações curto prazo, e parece manjar de outros investimentos além da Bolsa. Eu mesma, disse aqui em dezembro que o Ibov passaria os 60k e iria aos 66k (foi a 68k...). Disse também que em março começaríamos uma boa queda (começou em abril...). Eu fiz bons trades nesse período. Para as próximas semanas creio em congestão "chata pra caramba"... Não há condições de seguir a queda agora, operações de venda não valem a pena. Mas ainda acredito numa boa queda para os próximos meses, e no 3º ou 4º trimestre começaremos uma nova alta. Tudo isso baseado em padrões de longo prazo. Não é bola de cristal... Vamos ver se eu acerto?
    Carla

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Carla,

      É isso aí. O grande barato do blog é a contribuição de vocês, leitores. Também acho que ainda teremos algumas turbulências pela frente neste ano. Não sei se é da forma como enxergo as coisas, mas operar no curto prazo está bem menos complicado. Segue o jogo rsrs..

      Abcs, bons trades

      Excluir
    2. Carla e FI, entendo o posicionamento de vocês e agradeço demais a generosidade de vocês, no entanto sei bem que enquanto os competentes não assumirem as funções de educar, seremos educados pelos incompetentes e isso impacta a vida de todos. Digo isso sem condenar os que ensinam, afinal a maioria deles acredita naquilo que dizem, mesmo sendo uma grande besteira, no fim todos são honestos consigo mesmos. Abraço.

      Excluir
    3. Rico a cada dia,

      Sim, você tem razão. Por isso mesmo tento ajudar o máximo possível através do blog. Fica um pouco limitado as vezes, é só pra quebrar um galho rsrs.. Mas por enquanto é isso que consigo fazer. Vamos ver como as coisas vão fluindo..

      Abcs, bons investimentos

      Excluir
  9. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  10. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  11. Em tempo: cliquem no nome do petistinha lambe botas Cri-crítico e vejam o perfil dele:

    Filmes que eu gosto: O Poderoso Chefão (continuem a ler...)
    Blogs que eu sigo: Amigos do Presidente Lula (KKKKKkk...)
    Amigos da Presidenta (ou seria presid-anta???) Dilma.

    Resumo da ópera: um típico sindicalistazinho PAGO para CAGAR na mídia Anti-Petralha. Isto mesmo, PAGO. O PT paga para que pessoas deste perfil fiquem na Internet SACANEANDO os que não estão cegos e que enxergam a MERDA DE GOVERNO QUE É O PT. Tudo bem, não teve mensalão, Lulinha não está Rico, os petistas são honestos e trabalhadores e o amigo FI está errado. O PT está sempre certo... E o Poderoso Chefão logo vai bater nas portas do Inferno (viva o câncer!!!).
    BRASIL: UM PAÍS DE TOLOS.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É isso aí, Heavy Metal. E a gente tem que perder tempo limpando a sujeira que esses petralhas fazem!
      Carla

      Excluir
    2. http://rodrigoconstantino.blogspot.com.br/2012/04/petralhas-virtuais-estudo-de-caso.html

      Rodrigo Constantino: "Atentai para o nível dos petralhas virtuais!"

      O maior problema é que não é o PT que paga, mas nós contribuintes....

      Excluir
    3. HM que bom que você aparece de vez em quando, aprendi um bocado no seu blog, sim somos um País de Tolos, porém um pais rico e cheio de oportunidades, com certeza podemos transformá-lo num lugar melhor, um bom começo seria a condenação de alguns da cambada do PT no julgamento do STF.

      Excluir
    4. Nunca vi ninguém ser condenado em foro privilegiado no STF. Alguém já viu ?

      ass. anonimo da alll

      Excluir
    5. Pessoal,

      É isso aí! O que está errado tem de ser levantado e o que tem que ser feito tem de ser cobrado!

      Parabéns pela participação de todos!

      Abcs, bom domingo!

      Excluir
  12. FII, admiro muito o seu blog que é parada obrigatória. Mas, discordo de vc quando fala que o governo está mexendo muito no cambio - vários economistas acreditam que é bastante válido as intervenções e que em outros países é comum a utilização dessas ferramentas para diminuir o estrago cambial. Eu, na minha opinião, acredito que enquanto nao ocorre as reformas nao se pode ficar olhando mas tem que fazer alguma coisa. No mais, um grande abraço e a ETER3 e a CSNA3, que havia comentado serem as mais promissoras na planilha estao subindo um pouquito. No momento, comprei WHRL3 acredito que está num bom preço (12% de Yiel).

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Anônimo,

      Sim e até concordo com o seu ponto de vista. O problema é que, na minha opinião, o Brasil mexe demais no câmbio e dá tiro pra tudo que é lado. Se pelo menos houvesse um planejamento a seguir tudo bem. Mas da noite para o dia o governo inventa alíquotas, entra forte no mercado, etc. Quando bateu 1,50 ano passado era o "fim do mundo" para nós. Ok, vamos levantar o câmbio, o mercado não foi pego de surpresa. Depois 1,70 era um piso aceitável, ok os investidores estrangeiros refazem suas estratégias e segue o jogo. Depois mudaram pra 1,80 e aquela estratégia considerando dólar a 1,70 foi pro ralo. E agora querem o dólar a 1,90. Resumo da ópera: tantas intervenções e tributações no câmbio e nenhum efeito prático no que realmente seria o objetivo das mexidas no câmbio: a indústria. Quase um ano de "tiroteio do governo sobre o câmbio" e a indústria não deu nenhum sinal de reaquecimento. Mais um sinal de que o problema não é aí, limitando o efeito do câmbio.

      Ó! Eu também tenho um pouquinho da WHRL3 rsrs... Estou achando que roubei sua planilha heim?

      Abcs, bons investimentos

      Excluir
  13. Um único mundo: a correlação entre Brasil e os demais países emergentes

    http://www.youtube.com/watch?v=iseiqaD4l-c

    Será que o Rodrigo Constantino está certo?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sir Income,

      Vou assistir mais tarde essa palestra dele. O assunto é interessante.

      Abcs, bons negócios

      Excluir
  14. Débito não cria crescimento?

    http://drunkeynesian.blogspot.com.br/2012/04/revisitando-um-grafico-subversivo.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sir Income,

      Eu acredito que sem endividamento é difícil até de crescer. Uma dívida boa e "perfeitamente quitável", visando expansão dos negócios é um bom sinal até mesmo na hora de avaliar uma empresa. Mas o crédito tem de ser seletivo, para evitar uma disparada na inadimplência. Este é o ponto crucial.

      Abcs, bons negócios

      Excluir
  15. FI.. Boa noite.. o Blog esta bombando.
    Desistiu de disponibilizar os comentarios e publicaçoes via Feed?

    Fica a dica..

    http://www.ferramentasblog.com/2011/12/como-configurar-feed-corretamente-no-blogger.html

    Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Anônimo,

      Desisti não rsrs... É falta de tempo mesmo, está na minha lista de tarefas para o blog.

      Abcs, bons investimentos

      Excluir
  16. Boa notícia: Petrobras antecipa R$2,6 bi aos acionistas
    O Conselho de Administração da Petrobras aprovou na sexta-feira uma nova parcela de distribuição antecipada de remuneração aos acionistas, sob a forma de juros sobre o capital próprio, no valor de R$2,6 bilhões. O valor corresponde a um valor bruto de R$0,20 por ação ordinária (PETR3) ou preferencial (PETR4) e deverá ser pago até o dia 30 de junho de 2012, com base na posição acionária de 11 de maio deste ano. A companhia informa que esse provento deverá ser descontado da remuneração que vier a ser distribuída no encerramento do exercício de 2012. O valor será atualizado monetariamente, de acordo com a variação da taxa Selic, desde a data do efetivo pagamento até o final do exercício.

    É o governo reforçando o caixa? Não entendo isso. A Petro precisa de caixa para o pré-sal, mas vive distribuindo JCP. :s

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sir Income,

      Em média ela distribui 5% de dividendos durante o ano. É pra quem está investindo pesado em tese deveria pagar até menos do que isso.

      Acionista minoritário da petro sofre. Merecem pelo menos este "brinde" de 5% rsrs...

      Abcs, bons negócios

      Excluir
    2. Olá, estes JCP é pura piada, o que vç recebe desconta no papel, os dividendos mesmo foram apenas R$ 0,12; Já faz tempo que tá nessa o que obriga quem recebe comprar mais papéis para ficar com o mesmo capital;
      Ivngomes

      Excluir
    3. Ivngomes,

      Exato. Acontece com todos os pagamentos de JCP ou dividendos de qualquer papel na bolsa.

      Esse negócio de ter que comprar mais ações pra manter a mesma posição no papel pegou muita gente na época da capitalização da petro. Muitos fundos desovaram o que tinham de petro e por outro lado muita gente entrou na capitalização pra abaixar o preço médio que já estava alto antes mesmo da capitalização.

      Abcs, bons investimentos

      Excluir
  17. Bem eu vou ser bem rapido pois estou de saida, Enquanto o Real estava valorizando isso era bom para os investidores estrangeiros na hora de fazer a conversão para o dolar, mas a tendência é a nossa moeda é começar a desvalorizar. Somados a isso o grande investidores estão de olhos nos mercados de fronteira econômica (Filipinas, Nigéria,Angola,Mianmar etc...), que atualmente dão mais retorno.

    Um abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Leve em conta que não pagamos mais o maior juro, então os especuladores vão para outros países.

      Como fecha a conta da poupança? Ainda precisamos do investimento estrangeiros!

      Excluir
    2. Lord Caçador,

      Concordo. Em termos de investimento direto na economia, como instalação de grandes indústrias por exemplo, o Brasil perde feio pra meio mundo.

      Abcs, bons negócios

      Excluir
    3. Sir Income,

      A poupança é um assunto muito delicado, não só por questões políticas e culturais, mas também porque é um tipo de investimento de curto prazo e os recursos aportados na caderneta de poupança estão financiando o mercado imobiliário brasileiro.

      Abcs, bons negócios

      Excluir
  18. Fala Pessoal, negócio esquentou aqui héin... vários comentários.
    Só sei que o dólar tá bombando, devia ter dobrado posição nos 1,86... mas tudo bem, não tenho do que reclamar. rsrsrsr
    Abç - Já sabe quem é né...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Anônimo do BC,

      Realmente, sua posição é muito confortável não tem do que reclamar rsrs... se você trabalha com stop tem bastante gordura pra queimar também, apenas para "salvar o lucro".

      Abcs, bons negócios

      Excluir
  19. Olá FI, o dolar caso confirme o rompimento dos R$ 1,90 vai complicar pra bolsa, os estrangeiros vão intensificar a saída, viu o pronunciamento da presidenta?? Simplesmente chamando clientes para os bancos públicos!!
    Ivngomes

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ivngomes,

      Dólar acima de 1,90 pode chegar nos 2,00 rapidinho. Acho que é puro marketing. As taxas de juros realmente caíram, mas estão muito longe do nível citado nas propagandas. Mas como o povo não tem muito conhecimento nessa área, então...

      Abcs, bons negócios

      Excluir
    2. Chamou a atenção a presidente dizer: "você consumidor", em vez de: "você trabalhador"...
      Esta é a classe da pessoa hoje: ser 'consumidor' ou não... Fale-se nos direitos do consumidor, e não do trabalhador ou do cidadão. Interessante!
      Carla

      Excluir
  20. Boa noite,

    Está certo o valor de 38,5 milhões de ienes informado no post? Pois se estiver, tal valor equivale a R$ 912 mil e entendo não ser grande indicador, concorda?

    Abs.,

    Igor Eduardo

    ResponderExcluir
  21. Paulo Simões Diniz5 de maio de 2012 20:41

    Texto muito enviesado. Visão do capital especulativo de curto prazo. Realmente eles estão deixando o País e este é o ojetivo do governo. Fluxos de capitais intensos desarranjam a economia e depois causam estragos na sua saída - que um dia sempre ocorre.

    BC corta os juros agressivamente e isto desagrada os japoneses. Quer dizer que devemos manter os juros altos, a despeito de todos os problemas em nossa economia, para manter a aposentadoria dos velhinhos japoneses. Que tal colocá-los no nosso INSS?


    Diferentemente do Brasil, estes países reconhecem a importância do capital estrangeiro.
    O Brasil também reconhece tanto que nenhuma medida foi tomada contra o IED e ele continua entrando normalmente. Idem para investimento em ações brasileiras. Este é o capital que nos interessa.

    Este tipo de análise junta no mesmo saco quaisquer tipos de capital. Não diferencia IED, investimento em ações, aplicações de curtíssimo prazo visando apenas ganhar no diferencial de juros, captações bancárias destinada ao consumo interno, etc. São modalidades totalmente diferentes, algumas interessantes para o País e outras não. Agora fica a pergunta: devemos direcionar nossa política econômica para os interesses brasileiros ou para os interesses de curtíssimo prazo de capitais inquietos que não conseguem rentabilidade em seu próprio País?

    Quanto à entrada de dólares derivada dos bons preços das commodities é bom lembrar que ela não chega a cobrir as necessidades do País tanto que temos déficit em transações correntes no balanço de pagamentos. Seria muito bom se as commodities continuassem com preços altos e que nossa exportação aumentasse de forma equilibrada: commodities e produtos de maior valor agregado tanto do setor do agronegócio quanto do setor industrial.

    ResponderExcluir