quinta-feira, 24 de maio de 2012

Um alto falante em Wall Street


Luis Stuhlberger, diretor de investimentos do maior fundo hedge do Brasil, o Credit Suisse Hedging-Griffo Verde (com um patrimônio líquido de 15 bilhões de reais), falou poucas e boas sobre a realidade econômica brasileira para agência de notícias Dow Jones. Segundo ele o enfraquecimento do real reflete a exaustão do modelo de crescimento brasileiro que infelizmente é totalmente voltado para expansão do consumo interno.

A seqüência de vexames dos resultados trimestrais brasileiros (quando comparado com outras economias emergentes), mesmo com as políticas de afrouxamento monetário, revelam uma falha enorme na política econômica do país. Stuhlberger aponta que o Brasil não fez reformas extremamente necessárias, como fiscais e sociais, e afirma que os anos de baixo investimento implicam que o modelo de crescimento impulsionado pelo consumo está perdendo o fôlego.

Stuhlberger ainda ressaltou que “apesar de gerar incertezas, a desaceleração da China ou a crise de dívida da Europa não são as culpadas pela saída de capital do Brasil. Os gregos, italianos, chineses e espanhóis não devem ser culpados pelos problemas. O Brasil é vítima dos seus próprios erros". Será que ele andou lendo o Finanças Inteligentes? Escrevemos basicamente a mesma coisa na análise do dia 17 de maio: “Mais uma vez bear market”.

Ainda no cenário macroeconômico, tivemos hoje a divulgação de indicadores importantes da atividade industrial. O Índice de Gerentes de Compras do setor manufatureiro da China registrou mais uma vez contração na atividade industrial. O indicador ficou em 48,7 pontos no mês de maio, resultado inferior ao de abril, que foi de 49,3 pontos. Na zona do euro, o índice composto baseado em uma pesquisa de gerentes de compras, mostra que a produção nas indústrias caiu para 45,9 em maio ante 46,7 pontos em abril.

A seqüência de contrações na atividade industrial dentro da zona do euro está cada vez mais forte mostrando que este será um ano de baixo crescimento e recessão em alguns países membros. Estes dados ruins não impactaram o desempenho das bolsas europeias nesta quinta-feira, índices em correções técnicas fecharam em alta.

Nos Estados Unidos o índice Dow Jones também fechou em leve alta após uma boa recuperação ao final do pregão. O candle de hoje não é um martelo mas confirmou o doji libélula de ontem com fundo marcado em 13.3k.

  
No Brasil o índice Bovespa fechou mais um dia em baixa, mas novamente pode-se observar uma recuperação ao final do pregão. Agora podemos observar dois candles seguidos de pavio longo inferior basicamente sobre a mesma região de suporte recém criada, os 53k. Estes pavios denunciam que neste ponto do gráfico está aparecendo força compradora ou que as vendas estão perdendo força. O mercado pode estar tentando trabalhar um fundo nesta região para enfim engatar uma pernada de repique mais consistente. A conferir.


17 comentários:

  1. Olá FI, o martelo de ontem não foi confirmado hoje, e observando as Blue temos fortes figuras de baixa em especial a Petromico e Valemico, então é de esperar que em muito breve seja acionado ou uma bandeira ou deriva de baixa, olhando-se o Ibov vejo uma figura de verdadeiro crash, vamos ver de amanhã pra frente em que dá esse ping-pong;
    Ivngomes

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ivngomes,

      Sim, o martelo de ontem não foi confirmado. Tinha que atacar os 55k e não teve forças nem pra chegar perto. Mas como não perdeu a mínima e soltou um novo candle de pavilo longo inferior, pode ser um sinal bastante positivo para o repique. Isso é claro, se conseguir firmar esse fundo nos 53k.

      Abcs, bons negócios

      Excluir
  2. Respostas
    1. Camaleão Faminto,

      Hehe... será que esse ano teremos circuit breaker? Ingredientes tem de sobra.

      Tem muita roupa suja pra ser lavada na Europa.

      Abcs, bons negócios

      Excluir
  3. olá FI, até quando essas politicas de aquecer o consumo interno darão certo? até o povo se endividar de vez? Ao invés de reforma ficam dando descontinho (redução de juros, IPI,etc).
    abraços
    Ivan

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ivan,

      Eu sinceramente não sei. Mas pelo menos as críticas aumentaram, tem bastante gente de peso que finalmente acordou pra enxergar os erros da política econômica brasileira. Quanto mais barulho, maior a cobrança e maiores serão as chances de obtermos algum tipo de avanço. Mas por enquanto ainda nada...

      Abcs, bons investimentos

      Excluir
  4. Muito bom seus posts! Acompanho o blog desde outubro mas hoje é o primeiro comentário.
    Tô pensando em entrar em BBAS3 amanhã, por uns R$20,40 ou BBDC4 a R$28,30. Qual delas você considera a melhor opção?

    Será que já vale a pena um compra? Tenho um pouco de medo de deixar essa queda passar em branco.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Hoffnung,

      Obrigado! Bom saber que acompanha o blog por mais tempo. Espero que este seja o primeiro de muitos comentários. A participação de todos vocês é sempre bem vinda!

      Pelo lado fundamentalista eu prefiro ficar de olho em BBAS3.

      BBAS3 está tentando formar fundo acima dos 19,25 e um ascendente em 19,72. Papel está começando a ficar bonito pra engatar um repique. Se armar um pivot fica melhor ainda.

      BBDC4 movimento semelhante a BBAS3. A diferença é que BBAS3 está mais descontada no preço.

      Se forem compras de longo prazo, sempre recomendarei entrar aos poucos. De forma escalonada.

      Qualquer dúvida volte a comentar.

      Abcs e bons negócios

      Excluir
  5. Olá, FI. Sei de sua recomendação de compras periódicas para montagem de carteira de LP. Nesse contexto, quais ações você elegeria como as top 5, considerando atratividade de preço e potencial de valorização? A princípio, vem a mente petr4, bbas, elpl4, rsid3 e vale5. Qual sua opinião? Abrs e parabéns pelo post de ontem.

    Paulo Rafael

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Paulo Rafael,

      Ainda não passei uma limpa nas ações da Bovespa porque nos preços e condições atuais pouca coisa me interessa.

      Dessas que você citou BBAS3 seria uma boa opção e provavelmente estaria no meu TOP 5. Passo longe de Vale e Petro devido à desaceleração da economia mundial, correção nos preços das commodities e interferência do governo acima do aceitável (No BB há uma forte influência do governo também, mas o preço do papel, descontado, justifica o risco). RSID3 poderia ser uma opção mas confesso que esse papel não me transmite segurança, mesmo porque não estou gostando do mercado pra construção civil. ELPL4, bem como todas as demais elétricas ainda estão na minha quarentena (há mais de um ano me proibi de comprar qualquer ação desse setor).

      Por enquanto o que eu tenho avaliado é que este ano está mais difícil escolher os ativos, se compararmos com o ano passado quando nesta pontuação do índice apareciam algumas boas promoções. Minha exposição atual em renda variável está muito baixa pois estou priorizando trades. Atualmente devo estar com menos de 10% parado na custódia incluindo FIIs e DIVO11 (ETF do índice de dividendos).

      Abcs, bons investimentos

      Excluir
    2. Obrigado pela resposta. O irônico é que se está difícil achar boas oportunidades na bolsa, na renda fixa a coisa não ficou diferente. Pelo que tenho lido, as NTN-B do TD paracem ser a melhor alternativa. Uma pergunta, se não se importa: se você precisasse investir todo seu capital na semana que vem, como distribuiria suas aplicações no cenário atual? 10 % eu já sei onde estão rs

      Abrs!

      Excluir
    3. FI,

      Por que a aversão as elétricas?

      Abraços,
      Sir Income

      Excluir
    4. Paulo Rafael,

      Debaixo do colchão kkkkkk... brincadeira

      Mas pra investir tudo não teria como. O mercado financeiro não me oferece boas opções no momento para abrir posições (tanto na renda fixa, quanto na renda variável). Restariam duas opções pra mim: virar especulador de índice futuro oferecendo a renda fixa como garantia (renda fixa eu não mexo porque as taxas são boas, dos anos anteriores) ou investir em algum ativo real fora do mercado financeiro.

      Abcs, bons negócios

      Excluir
    5. Sir Income,

      Por causa da revisão tarifária. Tinha uma expectativa de que os lucros seriam fortemente impactados pela fome do Leão. É o que está acontecendo. Se melhorar ou estiver errado eu penso em voltar abrir posições nas elétricas.

      Abcs, bons investimentos

      Excluir
  6. FI
    Parece que andaram lendo teu blog e agora há vários jornais e economistas por aí apontando as graves deficiências do Brasil, na economia e política.
    Mas veja que foi preciso a Economist e o Wall Street Jornal se manifestarem primeiro, e agora começamos a ver alguns economistas tupiniquins, perdendo o "medo", e apontando os erros do governo. Que vergonha!
    Carla
    P.S.: Será que a Al Qaeda petralha vai atacar a Economist e o WSJ também??

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Carla,

      É porque aqui o governo tenta omitir ao máximo e desviar o assunto. Além disso a mídia perde muito tempo também com assuntos irrelevantes e esquece de observar os indicadores econômicos para tentar entender o que acontece com o Brasil.

      rsrss... lá eles não conseguem entrar.

      Abcs, bons trades

      Excluir
  7. Tenho opções vale f41, f39 e f38 e todos os dias na primeira hora sobem mas depois caem bastante. Se exercer no que estão agora, tenho uma perda de cerca de 30%. Você me recomendaria deixá-las mais pra frente arriscando u,a alta até vale5 cerca de 37,60 ou fecho com 30% de perda?
    Abraços,João Carlos

    ResponderExcluir