quarta-feira, 14 de novembro de 2012

O perigo de um “inverno europeu”


Trabalhadores e sindicatos de vários países da zona do euro mostraram que estão mais integrados do que a própria União Europeia. O protesto de hoje chamou atenção do mercado pois revelou a existência de uma coordenação e organização forte entre os sindicatos e trabalhadores europeus em diversos países. A resultante desta organização originou numa onda de protestos no sul da Europa, onde milhões de manifestantes fizeram greve em várias cidades nesta quarta-feira.

Policiais e manifestantes entraram em confronto na Espanha e Itália, centenas de voos foram cancelados, fábricas de carros e portos ficaram paralisados e apenas algumas linhas de trens circulavam na Espanha e Portugal.

As paralisações também afetaram a Bélgica. Na Grécia as manifestações e conflitos continuam acontecendo, porém em um ritmo maior. Até a França sofreu com as manifestações nesta quarta-feira, um dia que ficou conhecido pelo “Dia Europeu de Ação e Solidariedade”.

Esta foi a maior manifestação popular promovida no bloco europeu desde que as medidas de austeridade fiscal começaram a ser implantadas. Estas medidas são necessárias para redução do déficit fiscal dos governos, mas possuem um efeito colateral impopular agravando a recessão em diversos países e provocando o aumento do número de desempregados.

Os governos da zona do euro estão cortando gastos com aposentadorias, salários de funcionários públicos, hospitais, escolas, etc. Mas a frustração popular aumentou, pois os cortes estão agravando a recessão em alguns países. O PIB da Grécia encolheu 7,2% no terceiro trimestre deste ano. Em Portugal, a taxa de desemprego atingiu nível recorde de 15,8%. Na Espanha um em cada quatro trabalhadores está sem emprego. E para complementar a Eurostat informou hoje que a produção industrial na zona do euro recuou 2,5% em setembro, na comparação com o mês anterior.

Toda esta demonstração de organização e participação em massa da sociedade nos manifestos públicos colocam em risco as políticas governamentais atuais. Sindicatos espalhados por toda a Europa estão organizando uma manifestação ainda maior, deixando os investidores apreensivos e colaborando para a queda dos índices acionários nos principais mercados europeus.

Wall Street também cedeu nesta quarta-feira. O índice Dow Jones está acelerando cada vez mais o movimento de queda no curto prazo (observar na ausência de repiques consistentes) e não conseguiu se segurar linha dos 12.6k. A próxima parada será a região de suporte (fraco) em 12.4k e provavelmente teste sobre a região psicológica dos 12k nas próximas semanas.

Dow Jones

No Brasil o índice Bovespa despencou invalidando a formação de fundo duplo sinalizada ontem, mostrando que a minha análise estava errada. A perda dos 56.6k detonou mais um pivot para baixo, indicando que dificilmente a região de suporte em 56.2k conseguirá aguentar o tranco do mercado vendedor. Mesmo que ocorra algum respiro no próximo pregão, a expectativa é de perda dos 56.2k na(s) próxima(s) semana(s).

Ibovespa

No cenário interno o Banco Central divulgou que o IBC-Br (Índice de Atividade Econômica) recuou 0,52% em setembro na comparação com o mês anterior. O presidente da CNI (Confederação Nacional da Indústria), Robson Andrade, disse que o resultado do IBC-Br reflete o cenário de grande oscilação do setor industrial, cujo crescimento pontual ocorre apenas em alguns setores beneficiados por ações do governo federal. Segundo Andrade, o aquecimento da economia ainda ocorre basicamente por conta do consumo interno.

Bom feriado a todos e bom proveito aos felizardos que irão prolongar "as mini férias" até domingo rsrs... Estaremos aqui na sexta-feira batendo ponto no blog. Grande abraço e até mais!

20 comentários:

  1. "No Brasil o índice Bovespa despencou invalidando a formação de fundo duplo sinalizada ontem, mostrando que a minha análise estava errada."

    parabens. sao pocos q conseguem se autoavaliar.

    por essas e outras seu blog hoje eh referencia.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. FI, concordo com o clerton. Nada mais precisa ser dito.

      Parabéns pela lição de humildade. Que outros encontrem inspiração nas suas palavras.

      LFB.

      Excluir
    2. Olá Clerton,

      Obrigado! Fico feliz por saber que o blog se tornou uma referência. Acho uma obrigação de todo analista reconhecer o erro, a evolução começa a partir daí. Errar no mercado faz parte, aprendemos mais com os erros do que com os acertos rsrs..

      Abcs, bons investimentos

      Excluir
    3. LFB,

      Inspiração em nossas palavras, pois vocês leitores costumam dar uma aula nos comentários do blog. Todos estão de parabéns!

      Abcs, bons trades

      Excluir
    4. FI,

      Vc estava otimista quando viu o fundo duplo. Pra analisar o mercado vc não pode ser nem otimista nem pessimista, e sim pragmático. Seu erro foi apenas ter deixado a emoção dar um palpite :)

      Abs

      Obs: Seré que PETR4 volta pros 17? hehe

      Excluir
    5. Olá Anônimo,

      Com certeza, mas não acho que foi otimismo exagerado pois não tenho preferência entre mercado bull ou bear, o que vier está bom pra mim rsrs... Neste dia que tocou os 56.6k e repicou consegui até tirar um troco operando na ponta comprada. Mas considero um erro de análise pois o índice havia formado um bonito fundo duplo no intraday, mas como nada é 100% garantido o mercado reverteu forte no outro dia. Essas coisas acontecem e não são incomuns, faz parte rsrs..

      Hehe, aí vou ter que dar um palpite. Acho que volta pros 17. O gráfico está mostrando aumento de força vendedora e não tem suporte forte pra segurar até os 17.00. Tem uma linha nos 18,80 que pode permitir um alívio de curto prazo, mas com esse fechamento no semanal é de se esperar continuação da tendência de baixa.

      Abcs, bons negócios!

      Excluir
  2. FI, você observou no grafico a formação de um OCO?

    Na minha opinião ja era, vai ter repique porque no momento o mercado esta sobrevendido mas rapidamente estaremos de volta na região dos 52K.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Estou pensado seriamente ficar fora da RV até isso se definir...

      Não sei, mas enquanto o abismo fiscal nos EUA não for resolvido estaremos ladeira a baixo...

      Excluir
    2. Fabricio Santos,

      Confere, tem um OCO desenhado e a perda dos 56.2k resultará no rompimento da neck line. O target indica rompimento também dos 52k. Mas não gosto muito de figuras e targets na análise técnica (na minha cabeça elas são de baixa confiabilidade), sou mais apegado às retas e suportes.

      Perdendo 56.2k só teremos um suporte psicológico de relevância média que são os 55k. Fora isso linha forte mesmo é só nos 52.5k.

      Abcs, bom feriado!

      Excluir
    3. Eike Rico,

      Mercado está bom só pra fazer trade básico mesmo e de preferência com liquidação no mesmo dia. Mas eu não pensaria em pular fora agora. Se realmente entrarmos numa queda mais forte nos próximos meses ou no próximo ano, esta poderá ser uma das últimas deste ciclo de correção que já dura quase 5 anos. Particularmente continuo fazendo o mais do mesmo, trabalhando apenas operações de curto prazo. A diferença é que recentemente comecei a montar uma carteira em renda variável (pois estava zerado desde a puxada do final do ano passado/início de 2012) com esta queda do Ibov abaixo da média de 200 semanal. Incluindo os FIIs, minha exposição em renda variável está quase batendo os 15%. Até os 52.5k espero aumentar para pelo menos até 25%. A queda recente de alguns FIIs colaborou para aumentar minha exposição.

      Abcs, bom feriado!

      Excluir
  3. Eu estava pensando em entrar na bolsa novamente, porém essa instabilidade junto com a minha falta de conhecimento pleno pode causar boas perdas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Zé das Couve,

      Realmente, conhecimento é necessário mas estamos aqui é pra isso mesmo. O que precisar é só perguntar. Acho que pra quem não está exposto à renda variável, compensa começar a comprar alguma coisa na bolsa. Esta queda poderá abrir grandes oportunidades. Se você está na dúvida entre comprar o papel X ou papel Y (atualmente não está fácil fazer uma seleção boa de ações devido as interferências do governo em alguns setores, queda na lucratividade das empresas, encerramento de posições por parte de alguns investidores estrangeiros, etc), compre um ETF que faz a réplica de algum índice (preferência Ibov ou Ibrx, pois quando engatarmos uma perna de alta, as blue chips serão as ações que irão subir mais).

      É nos momentos de incerteza e instabilidade que deveremos pensar em começar a comprar ações. Lembrando que é sempre bom deixar a maior parte do dinheiro reservado para as grandes promoções que aparecem nos pânicos de baixa do mercado.

      Abcs, bons investimentos

      Excluir
  4. Olá FI, a presidente da Petro deve ter se balançado muito na poltrona!! rsrsrs. A Petr4 deverá em breve fazer novo teste na região dos R$ 18, bom tecnicamente montou uma figura de continuação, caso perca esta grande zona de congestão teremos como alvo a região dos R$ 12,xx!! Será que chega?? Ninguem acreditava qua a Usim5 bateria nos R$ 5,xx, só eu em minhas análises, e por sinal creio que fará confirmação deste fundo novamente, até amanhã Fi;
    Ivan

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ivan,

      Acho que de tanto balançar na cadeira acabou caindo junto com as cotações no mercado rsrss.. Nossa 12,00 tá muito longe ainda. Primeiro vamos ver se os 17,00 conseguirão segurar o papel. Se o índice continuar derretendo dificilmente segura. Vamo que vamo!

      Abcs, bons trades

      Excluir
  5. Exercício de opções na segunda: o bicho vai pegar!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sir Income,

      A prévia já começou hoje rsrs... Briga vai ser boa!

      Abcs, bons negócios

      Excluir
  6. PETR4 ==> -4%

    Acho que a Graça vai ter que se pronunciar...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É cara, caiu mais que a OGX kkkkkk... Mas no caso da PETR4, quanto mais cair, mais interessante fica.

      Abcs,

      Excluir
  7. se petr4 chegar a R$ 10,00 eu compro tudo de petr4, vai ser a pechincha da década.
    IvanC.

    ResponderExcluir