sexta-feira, 15 de março de 2013

Fechamento das bolsas mundiais


Apesar da sexta-feira apagada no mercado financeiro mundial, a semana foi importante para alguns dos principais índices do mercado. Nos Estados Unidos o índice Dow Jones não apresentou nenhuma novidade. Tendência de alta de curto, médio e longo prazo. Não há resistências pela frente. Mercado em bull market.


Já o índice S&P500 iniciou os trabalhos do movimento mais importante desde a década passada. O rompimento da máxima registrada em 2000. Uma congestão de 13 anos está sendo superada neste exato momento. Com isso o índice S&P500 confirmará sua tendência de alta também para o longo prazo, seguindo os rastros do índice Dow Jones.

Índice S&P500

O rally nos Estados Unidos também atingiu o dólar. O gráfico abaixo mostra a cotação do dólar perante a uma cesta de moedas. Ocorreu uma expressiva valorização do dólar nas últimas semanas, mesmo com a queda no clima de aversão ao risco. Este movimento reflete a visão mais otimista da economia americana, embasada na melhora recente nos indicadores econômicos.

USD

A taxa de desemprego caiu para 7,7% em fevereiro, a menor dos últimos quatro anos. As empresas, no geral, estão apresentando bons números em seus balanços trimestrais, reflexo de uma melhora na eficiência administrativa e operacional.

Na Europa o índice DAX (Alemanha) fechou mais uma semana em alta, praticamente colado abaixo do topo histórico. Espera-se o rompimento da máxima histórica nas próximas semanas, seguindo o movimento das demais praças mundiais. Segue na tendência de alta de curto, médio e longo prazo.

Alemanha

Na Inglaterra o índice FTSE fechou a semana com um doji de indecisão, bem próximo de sua máxima histórica. A próxima resistência é o próprio topo histórico, que poderá ser rompido nas próximas semanas/meses. Índice também segue na tendência de alta de curto, médio e longo prazo.
 
Índice da bolsa de Londres
   
Partindo para os mercados emergentes podemos observar que a bolsa do México está trabalhando movimento de correção saudável de curto prazo. Após a máxima atingida em 333 pontos, o índice recuou para o patamar psicológico dos 300 pontos tentando trabalhar fundo ascendente na região da linha central de bollinger. Portanto a bolsa do México trabalha numa tendência de baixa de curto prazo, o que não invalida a tendência de alta de médio e longo prazo.

Índice do mercado mexicano

Na Índia, o principal índice da bolsa de Bombay cravou fundo ascendente na região psicológica dos 19k, mas ainda não foi suficiente para reverter a tendência de baixa de curto prazo. Caso a linha central de bollinger seja mantida, o índice terá condições de puxar uma pernada de alta rumo à região dos 20.1k (último topo ascendente).

Bombay

Na China a bolsa de Xangai fechou mais uma semana em baixa devido à ausência de linhas de suportes relevantes. O primeiro ponto para segurar esta queda de curtíssimo prazo será a linha central de bollinger que poderá ser testada na próxima semana. Caso esta linha consiga segurar o movimento de queda, um fundo ascendente será formado, fortificando a pernada de alta iniciada em 2k.

China

No Japão o índice Nikkei está em pânico de alta. O término da tendência de baixa de médio e longo prazo deu início a um forte rally patrocinado pelas medidas do BoJ (banco central japonês).

Bolsa de Tóquio

No Brasil o índice Bovespa devolveu toda a alta conquistada na semana anterior. O candle de baixa é uma sinalização de que a alta recente foi apenas um movimento de pullback sobre a LTA de 2008, perdida recentemente.

Bolsa de valores

Esta é a situação mais delicada para o incide neste ano. Caso a mínima desta semana seja perdida, confirmando o pullback sobre a LTA de 2008, a região de suporte em 55.4k dificilmente conseguirá segurar o movimento de queda, o que provocará o acionamento de um novo pivot de baixa com objetivo para jogar o índice sobre a região de suporte em 52.5k.

Desejo a todos vocês um ótimo final de semana!

11 comentários:

  1. Ola Fi. Um rompimento historico do Sp500 eh de esperar fortes altas devido aos stops acionados o que nao esta ocorrendo. Esta semana vamos acompamhar o desenrolar dos fatos.
    Ivan

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ivan,

      Sim, S&P500 fazendo um rompimento histórico, mostrando que o mercado lá é bull. Acredito que neste ponto não existem mais posições vendidas de longo prazo, apenas posições curtas ou descobertas. Nada que afete a tendência de médio/longo prazo.

      Abcs, bom sábado!

      Excluir
  2. Esse é o problema de uma bolsa totalmente dependente de capital externo, como o S&P e o DJ estão performando excelente, que gringo vai arriscar seu dinheiro em um país com um Governo intervencionista e com poucas opções de empresas sólidas que já não estejam supervalorizadas. A consequência é a falta de fluxo de dinheiro para movimentar nossa bolsa e por isso ficar atrás do resto, pena que o Governo não incentive o povo brasileiro a investir na bolsa...

    Abraços!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. General Investidor,

      O que caiu mesmo foi o fluxo dos investidores pessoa física e institucional nacional. Estes bateram em retirada da Bovespa nos últimos anos. O fluxo estrangeiro está até bom no mercado a vista (poderia ser até maior, mas o governo jogou contra), porém ao mesmo tempo que os estrangeiros estão bem comprados no a vista, estão extremamente alavancados na venda nos futuros. Ou seja, muitos que entraram aqui estão protegidos devido às incertezas do nosso mercado, tornando o mercado extremamente técnico. Viável apenas para giros de curto prazo.

      Abcs, bom final de semana

      Excluir
  3. é meu amigo o Brasil descolado das outras bolsas é triste de se ver ... aprendiz

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá aprendiz,

      Descolado e com razão. Infelizmente.

      Abcs, boa semana!

      Excluir
  4. FII,

    Com sua experiência sobre o mercado e concerteza em ações , poderia informar alguma ação boa pra comprar com esse mercado a caindo , deve existir ótimos empresa a preço de banana , como não tenho tanta experiência como você nessa área , estou pedindo uma dica , claro se não for um incomodo .


    ASS:. ARRISCATUDO

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Arriscatudo,

      Infelizmente no momento não temos boas empresas a preço de banana. Temos empresas boas, mas a maioria estão caras. O que sobrou com um certo desconto são algumas blue chips como BBAS3, PETR4, VALE5 e CSNA3. Todas estas empresas estão descontadas e com razão. Fora isso pode-se encontrar algo que apanhou bastante (exageradamente) no setor elétrico, como a GETI3, por exemplo.

      Abcs, bons investimentos

      Excluir
    2. PS: Anote o meu e-mail: financasinteligentes@gmail.com e me solicite ajuda sempre que precisar.

      Excluir
  5. OLá Fi, estão forçando a barra na Elpl4, perdendo essa região creio que os R$ 10 não seguram a furia dos vendidos!!
    Ivan

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ivan,

      Qualquer brisa está derrubando ELPL4 rsrs... Papel sem força nenhuma. Mas sigo de olho nela. Vamo que vamo!

      Abcs, bons trades

      Excluir